Depois de um tempo usando o Rená Preto Azulado, o cabelo se acostumou com a química e a raiz ainda não tinha alisado depois de 2 meses aplicando(16 Aplicações). Não sei se o fato do cabelo estar crescendo rápido foi o que adiava a raiz super lisa, mas aquilo estava me incomodando e decidi mudar de henê.  Além de que queria testar outros henês pra ver se alisavam mais rápido e o cheiro fosse mais suave (um mito que tentei achar que não era mito), como fui inocente.Aprendi que pro cheiro do henê não impregnar no cabelo temos que lavar muito, mas muito bem mesmo. Mas disso tirei alguns aprendizados e consegui diferenciar os henês. Olha só:


// rená preto azulado em cabelo fino 3c
Fiz muitas aplicações com esse henê e consegui notar um crescimento fantástico, que foi uma das vantagens. Além de não ressecar tanto como o preto natural, ele deixou um brilho maravilhoso no meu cabelo. Esse é um dos henês que se começa na saga e por isso continuei com ele até perceber que não estava mais dando resultando, que foi um dos motivos que resolvi trocar pelo divida dama (que promete um alisamento maior e nenhum cheiro).


//divina dama médio em cabelo fino 3c
Com apenas duas aplicações vi que esse não é o henê indicado para mim. Meu cabelo é fino e com ele eu consegui arrebentar as pontas do cabelo resultando numa quebra - que graças não foi tão grande- e no cabelo ficando elástico. O cheiro dele é bem sutil, muito mais do que o Rená preto azulado, porém no fim dá pra sentir aquele cheirinho que fica no cabelo por uns dias.Não colore muito e o tempo de pausa eu achei absurdo: duas horas com o produto na cabeça. Porém senti ele muito mais emoliente pra retirar. Como na minha cidade só se vende o Rená e o Pelúcia, tive que pedir pela internet e acabou custando 16,00 reais cada bisnaga. Um pouco caro, já que pago 8,90 no Rená.



• minha conclusão:
O divina dama médio não funcionou para mim. Por isso sempre é recomendado a usar um henê de acordo com o seu fio. Fui teimosa e arrisquei, agora estou recuperando o cabelo pra poder voltar à henezar. Em relação à cor, ele não tinge tanto quanto o Rená, eu que tenho a raiz castanho-clara o cabelo ficou um tanto amarronzada mesmo fazendo duas aplicações. Portanto, o Rená tinge muito bem e para mim, tem um custo-benefício excelente.  Divina Dama não foi tanto amor pra mim.


Você já trocou de henê? Me conta essa experiência!